Tuesday, April 10, 2007

"O tempo passou, claro que passaria...

... Como passam as vontades que voltam no outro dia"

Este é um trecho da música "Não consigo odiar ninguém", que será lançada no próximo cd dos Engenheiros do Hawaii. Não é a toa que sou fã desta banda: antes mesmo de ir ao ar, a canção já me identifica!

Como pode-se notar, já faz algum tempo desde minha última postagem. E esses 3 meses que se passaram foram assim: repletos de vontades, satisfeitas ou não.

O pós-reveillon trouxe ainda mais festas. Janeiro, após o expediente, foi um mês de férias propriamente ditas: happy hours, visitas de amigos, alegrias, baladas, brindes, encontros e os preparativos para o carnaval...

Ah! Fevereiro e o carnaval... Guaramiranga era uma promessa particular desde 2002. Não sei porque adiei tanto essa viagem. O melhor de tudo foi que ela veio no momento ideal, junto a ótimas companhias e muita diversão!

Março, meu aniversário, meu "reveillon particular". É mais um momento de reflexão, quando paro novamente e olho para dentro de mim mesma. Decisões importantes são tomadas e novos rumos traçados... O meu mês sempre é um divisor de águas e dessa vez não foi diferente.

Fiz uma lista de metas para a nova idade. O que quero ter como recordação dos meus 26 anos? O que quero deixar pronto para os 27 anos?

Após ter todas as idéias na cabeça, foi um pouco difícil dar os primeiros passos para a concretização desses planos. Sempre fui cheia de sonhos, desejos e vontades, mas nem sempre liguei para a sua efetiva realização. Parecia que para mim valia mais o mundo da lua, da imaginação. Isso não é bom, é certeza de frustração.

Então, ontem a noite eu tive um insight. Imaginei como seria a concretização daquilo que desejo. Como a vida seria mais interessante! Consegui visualizar cada momento como se estivesse de fato vivendo-os. Então... Por que não torná-los realidade? E o melhor é que tudo é tão possível, não há nada mirabolante ou megalomaníaco, e só depende de mim! Só preciso agir, fazer acontecer! Eu serei parte integrante da mudança e não mera espectadora.

Escrevi todas as metas num papel, estipulei algumas datas e dei preço ao que será preciso pagar para obter. Preguei tudo na parede, junto com algumas frases de motivação. O mural ficou no lugar da casa que eu mais freqüento: bem perto da minha cama e do computador, para nunca esquecer do que tenho para fazer, conquistar, concretizar.

Essas palavras podem estar parecendo óbvias ou mesmo repetitivas em relação a posts anteriores. Mas afirmo que nunca isso tudo me foi tão claro! A mudança pode ter acontecido de forma sutil ou imperceptível para quem está aí fora. Mas só eu sei a revolução que instalou-se aqui dentro.

Para encerrar o post, a íntegra da música que o iniciou:


NÃO CONSIGO ODIAR NINGUÉM
Engenheiros do Hawaii


não quero seduzir teu coração turista
não quero te vender o meu ponto de vista
eu tive um sonho e há muito não sonhava
lembranças do futuro que a gente imaginava
nem sempre foi assim, outro mundo é possível
pode até ser o fim mas será que é inevitável?

não vá dizer que eu estou ficando louco
só por que não consigo odiar ninguém
do goleiro ao centroavante
do juiz ao presidente
eu não consigo odiar ninguém

o tempo parou feito fotografia
amarelou tudo que não se movia
o tempo passou, claro que passaria
como passam as vontades que voltam no outro dia

não vá dizer que eu estou ficando louco
só por que não consigo odiar ninguém
do goleiro ao centroavante
do juiz ao presidente
eu não consigo odiar ninguém

eu tive um sonho, o mesmo do outro dia
lembranças do futuro que a gente merecia

não vá dizer que eu estou ficando louco
só por que não consigo odiar ninguém
do zagueiro ao centroavante
do juiz ao presidente

eu não consigo odiar ninguém

3 Comentário(s) para: "O tempo passou, claro que passaria...

  • Que bom! É sempre bom ter boas notícias de vc,,, Saiba que estou [e estarei] sempre torcendo por vc e tentando de alguma maneira te ajudar, te dar suporte ou mesmo apenas te acompanhar,,, Basta olhar na tua janela e ver como eu estou lá te velando,,,

    Bom, boa sorte nessa sua nova empreitada! E que dias melhores te aguardem!!! ;D

    Blogger David, em 21/4/07 13:15  

  • Oi, moça! Boa sorte aí na consecução das metas. As minhas estão cada vez mais distantes. Isso é horrivel. bjo, paz e ve se volta a dar o ar da graça no valpinheiro.com.br

    Anonymous Val, em 26/4/07 23:38  

  • Gostei da idéia de metas para a nova idade. Há sempre aquelas coisas que a gente quer deixar para trás de alguma forma e aquelas que a gente deseja guardar em baixo do braço e levar com a gente.
    Adorei a letra da música. Assisti a um show dessa banda em Milano há anos atrás, nem sabia que ainda existiam.
    Beijos

    Blogger Lunna, em 4/5/07 14:38  

Post a Comment

<< Voltar ao blog